Meus filhos não falam comigo desde o divórcio – devo desistir de tentar?

Um leitor enviou uma questão muito complexa para que analisemos e para que possamos o ajudar com um conflito familiar. Ele escreveu:

“Não vejo meus filhos desde que deixei a mãe deles. Eles agora são adultos com vida própria e estou ansioso para apresentá-los à minha nova namorada. Sou um homem de 55 anos e minha ex-mulher tem 52. Nós nos separamos há 15 anos, quando os filhos eram pequenos. Não tivemos uma separação amigável e, embora eu mandasse cartões e dinheiro para os aniversários dos filhos, a mãe deles sempre falava mal de mim. Eu segui em frente com minha vida – estou com uma namorada há cinco anos e ela tem 45 anos. Ela é maravilhosa. Eu falo sobre meus filhos o tempo todo, embora eu mal saiba muito sobre eles hoje em dia. É tarde demais para eu ser um pai para eles?”, perguntou o pai.

Acredito que nenhum problema é muito pequeno, muito grande ou muito embaraçoso que não possa ser resolvido com um bom diálogo. É óbvio que os filhos sentirão o peso da separação dos pais, principalmente, se eles puderam acompanhar o sofrimento da mãe deles, afinal, nenhum filho gosta de ver a mãe sofrer, enquanto o pai vive uma vida tranquila e livre de responsabilidades diárias com os filhos.

É claro que fica muito difícil opinar quando só sabemos uma versão da história. É possível que a mãe não tenha falado mal do pai mas apenas, não tenha se empenhado para falar bem, já que ela, possivelmente, não tinha motivos para isso na época.

É comum o pai achar que a mãe tem o poder de fazer a cabeça dos filhos, mas como mãe, posso afirmar que as crianças sentem tudo e percebem tudo, por mais que tentemos as enganar ou inventar histórias, elas pensam por si só e tiram suas próprias conclusões.

É possível ter acontecido uma alienação parental nesse caso? Sim. A alienação parental acoontece e é passível de punição judicial se comprovada. Mas, se esse pai realmente desistiu de tentar e deixou o tempo correr, já que hoje os filhos são adultos, é provável que ele não tenha buscado a justiça para reaver os seus direitos e por conta disso, ele mesmo acabou permitindo que os filhos pensassem que ele não se importava.

Um pai que realmente se importa, jamais vai deixar de estar presente na vida deles.

Esse pai tentou se conectar, mas é preciso mais do que cartões de aniversário e dinheiro para ser pai.

Vivendo em nosso mundo de tecnologia, deveria ser mais fácil fazer contato com filhos adultos.

Acredito que nunca é tarde para esclarecer as coisas, mas se esse “esclarecer’ for culpar a mãe deles por tudo, dificilmente, os filhos aceitarão essa nova aproximação. É preciso reconhecer os próprios erros e mostrar para os filhos que os pais não são perfeitos, mas que o amor é incondicional, sem isso, as acusações entre as partes só criarão traumas nas crianças, e esses traumas, as acompanharão na vida adulta.

Se realmente quer um conselho: Entre em contato com eles se puder e explique que gostaria de vê-los com mais regularidade, sem ser negativo em relação à mãe.

Qual é a sua opnião? Acredita que esse pai ainda tem chances com os filhos adultos? Casamentos acabam, mas os filhos não podem perder o contato com os pais.

Excluir um dos dois do convívio com os filhos sempre trará consequencias tristes no futuro. A família precisa permanecer unida, mesmo que não exista mais uma relação entre o casal.

Quer enviar a sua pergunta para que eu responda por aqui? Envie para [email protected]

*DA REDAÇÃO SAG. Foto de Malik Skydsgaard no Unsplash. Texto de Iara Fonseca, jornalista, escritora, editora de conteúdo dos portais Resiliência Humana, Seu Amigo Guru, Homem na Prática e Taróloga. Para agendar uma SESSÃO DE AUTOEXPANSSÃO com a Iara, mande um direct para @ESCRITORAIARAFONSECA

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Jornalista, escritora, editora chefe e criadora de conteúdo dos portais RESILIÊNCIA HUMANA e SEU AMIGO GURU. Neurocoaching e Mestr em Tarot. Para contratação de criação de conteúdo, agendamento de consultas e atendimentos online entrem em contato por direct no Instagram.