A paciência é uma virtude incontestável e indispensável para a conquista de qualquer objetivo porque o fato é que ninguém colherá os frutos sem antes ter plantado a semente!

Na vida e na natureza, primeiro a gente planta a semente, depois a gente colhe os frutos, não existe outro caminho possível. Por isso, cultivar a paciência é tão importante!

Sou uma mulher forte! Atrevida! Me atrevo a encarar aventuras que muitos não encarariam. Me coloco em situações desafiadoras porque sei que a cada desafio que enfrento, saio mais forte e com uma bagagem maior de conhecimento que me projetam mais à frente.

Enfrentei a vida entre lágrimas e garra!

Cheguei a pensar que não era capaz, que não era assim tão “importante”, e percebi que esse sentimento beirava a Síndrome de Impostora, e realmente era!

Imagine só onde cheguei assim… Me sentindo menos, tão impotente!

Pobre de mim!

Me vitimizei, dramatizei, improvisei com as migalhas que infelizmente aceitava, procrastinei… chorei de forma catártica e em algumas horas renasceu em mim a coragem e a força para me libertar!

Percebi que eram essas atitudes e pensamentos que me faziam refém de mim mesma e que se eu continuasse a cultivar isso tudo eu nunca sairia dali, do inferno que fiz de mim!

A partir daí, todas as vezes que eu ameaçava reclamar, um dramalhão de novela mexicana tomava conta de mim e eu ria de mim mesma até cansar.

Porque entendi que todas às vezes em que impus o meu julgamento aos outros e me culpei por não conseguir prosperar em uma ou outra área da vida, todas as vezes que me coloquei na posição de juiz para os outros, para mim e até questionando as obras de Deus, perdi a grande chance de ser um aprendiz!

Felizmente, em todos os momentos, mesmo nos mais desafiadores, eu sempre avistava uma luz!

Eu a chamava de esperança e inocência na época! Mas hoje sei e compreendo que era a minha fé brilhando de dentro para fora!

Era a minha luz própria pedindo para que eu tivesse paciência!

E a cada vez que eu avistava essa luz, ela alcançava muito mais longe! E iluminava ainda mais o meu caminho!

Foi assim, me abrindo para essa luz que existe dentro de mim e que ilumina todo o resto que consegui estabelecer um contato amoroso com o meu Eu verdadeiro, não com aquilo que dizem sobre mim, mas com tudo o que eu realmente sou, e assim, consegui purificar os pensamentos que me atormentam!

Percebi que somos em essência iluminados, que não encontramos a iluminação, é ela que nos encontra quando estamos prontos!

Mas a nossa luz nem sempre fica acesa. Para que ela possa iluminar nossos passos, temos que, diariamente, plantar as sementes dos nossos sonhos em solos férteis!

Seria essa, uma boa missão para todos nós, se a fizéssemos! Cada um a sua maneira! Mas dando o nosso melhor!

Se todos conseguissem encontrar o “interruptor” da própria luz interior, daqui alguns meses, veríamos transformações mágicas acontecerem que refletiriam em um bem maior para toda a humanidade!

Teríamos um mundo pacificado e verdadeiramente regenerado!

Teríamos uma civilização nova totalmente empática e igualmente, “humana”. Onde os seres humanos se veriam como exemplos a serem seguidos e não como loucos, ignorantes, saqueadores e devastadores homens do paleolítico!

Seríamos mais evoluídos se apenas plantássemos boas sementes, no entanto, temos uma tendência à esperar que as coisas se resolvam sozinhas!

Muitos acreditam na sorte e por isso esperam as coisas caírem do céu! Eu acredito em empenho, dedicação, visão de futuro e vontade de fazer o bem!

Não espere mais a sorte bater a sua porta, se prepare, plante boas sementes, e tenha paciência para esperar a hora da colheita chegar, pois não se trata de sorte, tudo é uma questão de sincronicidade, de alinhar os seus objetivos aos objetivos do universo!

O que nos levará a um lugar ou ao outro, ou seja, a um lugar de felicidade ou sofrimento, será sempre a nossa facilidade em sintonizar no amor ou na dor!

É dessa dificuldade em estabelecer uma frequência amorosa de cura interior que nascem as doenças mais profundas que não conseguimos superar facilmente!

Colhemos e sempre colheremos os frutos dos pensamentos mais sutis que tomamos como nossos! Aqueles que acreditamos e nos identificamos de maneira inconsciente!

É preciso se purificar constantemente!

É preciso “Vigiar e orar” a todo instante para se abastecer de energia vital! É ela que nos leva a sintonizar na frequência exata da criação e que nos impulsionará a agir em direção dos nossos sonhos!

Essa frequência existe!

Basta respirar corretamente e ter disciplina porque sem disciplina qualquer acontecimento será capaz de nos fazer sintonizar em frequências mais baixas, responsáveis por nos colocar prostrados e presos em uma espécie de “noite escura da alma”!

Comece hoje a cultivar a paciência e a plantar dentro de você essa boa semente! Assim, você poderá começar a polinizar tudo a sua volta!

Medite sobre isso tudo todos os dias, acenda a sua luz, plante as suas sementes e aguarde pacientemente o momento certo de colher os frutos!

Porque eu e você sabemos que ninguém colhe os frutos sem ter plantado a semente!

*Texto @escritoraiarafonseca. *Foto ilustrativa: Ron Finley, jardineiro de Los Angeles. Fotografia: Stephen Zeigler

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Jornalista, escritora, editora chefe e criadora de conteúdo dos portais RESILIÊNCIA HUMANA e SEU AMIGO GURU. Neurocoaching e Mestr em Tarot. Para contratação de criação de conteúdo, agendamento de consultas e atendimentos online entrem em contato por direct no Instagram.