São chamados super idosos ou envelhecimento bem sucedido os indivíduos acima de 75 anos que não apresentam o declínio cognitivo típico da idade (normal para a idade!)

São idosos de alta performance onde nas imagens de ressonância magnética verifica-se que eles apresentam menor atrofia cerebral e menor perda neuronal esperada para a idade. Além disso, têm maior metabolismo cerebral.

Mas como eles chegaram ate aqui?

Por que alguns idosos conseguem atingir um envelhecimento tão bem sucedido?

Aparentemente há 3 fatores:

1) Reserva: capacidade do indivíduo de criar recursos neurais para usar no futuro

2) Manutenção: capacidade de resiliência para mudar diante de uma patologia

3) Compensação: capacidade do cérebro de tentar executar tarefas diante de um desafio ou dificuldade.

Esses estudos mostraram que o cérebro dos super idosos também tem placas amiloides presentes no cérebro de idosos com Alzheimer porém, esses conseguem “lidar com a patologia” e manter sua memória ativa.

Como isso é possível?

A ciência ainda tenta explicar, mas uma coisa é fato: o envelhecimento bem sucedido está ligado a estilo de vida!!!

Escolhas saudáveis, mente ativa, alegria de viver e resiliência diante da vida fazem toda diferença no bem envelhecer!

Acreditar que todos os dias você pode resignificar sua história, que você pode ensinar e aprender coisas novas, que a vida não é perfeita pra ninguém, nem novos nem velhos, mas que ela vale ser vivida!

Bem vivida!

Faça suas escolhas e se prepare para ser um super idoso!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS

COMENTÁRIOS




Roberta França
Dra Roberta França Médica Pós graduada em geriatria e gerontologia Pós graduanda em psiquiatria Membro da sociedade brasileira de geriatria e gerontologia Membro da sociedade de neuropsiquiatria geriatrica Membro da Academia Nacional de Cuidados Paliativos Docente da ABRAZ - associação brasileira de Alzheimer Co AUTORA do livro Estratégia de Vencedores