É preciso ter resiliência e perdoar até aqueles que são incapazes de te pedir perdão, não porque mereçam, mas porque você sim merece paz!

O livro sagrado nos ensina:

“Senhor, quantas vezes deverei perdoar a meu irmão quando ele pecar contra mim? Até sete vezes? Jesus respondeu: Eu digo a você, não até sete, mas até setenta vezes sete”(Mateus 18:21,22), portanto perdoar faz parte da vida, não é fácil, porém é necessário para encontrar paz e para também ser perdoado por Deus, pois todos nós erramos.

A falta de perdão destrói vidas, amizades, relacionamentos e a si mesmo, perdoar é fundamental para seguir em frente com o coração leve e cheio de paz.

E outro ensinamento muito importante do livro sagrado é:

“Pois se perdoarem as ofensas uns dos outros, o Pai celestial também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem uns aos outros, o Pai celestial não perdoará as ofensas de vocês” (Mateus 6:14,15), ou seja, é lei, perdoar para ser perdoado.

As vezes buscamos a misericórdia divina ou aguardamos receber uma graça e isso não acontece e não entendemos o porquê, e a resposta é essa, falta liberar perdão.

Perdoar não é ser bobo de ninguém, perdoar é apagar do coração e não deixar mais aquilo lhe fazer mal, esse poder lhe pertence, você decide o que te atinge, você é responsável pelo que cultivas dentro de ti, seja morada de sentimentos bons.

O verdadeiro pedido de perdão é a mudança de atitude, assim sabemos se o outro se arrependeu e é assim que Deus sabe se nos arrependemos também.

E para aqueles que nunca te pediram perdão, perdoe, confie em Deus, não guarde rancor, o universo é justo e ninguém vai embora sem pagar.

Pior do que ser decepcionado é decepcionar alguém.

O perdão é libertador, mas as forças contrarias fazem de tudo para aquilo ser lembrado com raiva e dor, e para isso é sempre importante fazer a oração do perdão:

“Senhor Jesus! Ensina-nos a perdoar, conforme nos perdoaste e nos perdoas, a cada passo da vida.

Auxilia-nos a compreender que o perdão é o poder capaz de extinguir o mal.

Induze-nos a reconhecer nos irmãos que a treva infelicita filhos de Deus, tanto quanto nós, e que nos cabe a obrigação de interpretá-los na condição de doentes, necessitados de assistência e amor.

Senhor Jesus, sempre que nos sintamos vítimas das atitudes de alguém, faze-nos entender que também somos suscetíveis de erros e que, por isso mesmo, as faltas alheias poderiam ser nossas.

Senhor, sabemos o que seja o perdão das ofensas, mas compadece-te de nós e ensina-nos a praticá-lo.
Assim seja!”
(Chico Xavier).

Quando tiver dificuldade para perdoar faça essa oração e lembre-se que também necessitamos de perdão.

Libere o perdão e seja feliz!

Perdão é cura!

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Carol Santos
Estudante de Gestão de Recursos Humanos, mãe de duas princesas, apaixonada por um Militar. Buscando sempre aprender, amo escrever pois meus sentimentos transbordam, minha missão é ajudar com ações e palavras. Me sigam no Instagram e curtam minha página no Facebook/Instagram: @extravasa_verdade