Que Deus você serve? Pessoas falsas possuem o dom de venerar um Deus falso, que existe apenas na cabeça dos inglórios e mentalmente perturbados em suas vaidades e preconceitos!

Se você tem o costume de alimentar pensamentos negativos e destrutivos, e gosta de repercutir histórias tristes ou acontecimentos infelizes com a desculpa de querer alertar os outros quanto aos fatos que, na maioria das vezes, não favorece ninguém, você e o seu Deus, são falsos!

Se você gosta de fazer visitas inesperadas e quando chega ao ambiente escolhido começa a analisar tudo, emitir críticas nada construtivas, e fazer comentários inconvenientes, o Deus que você serve e você, são falsos!

Se você gosta de brigar em suas redes sociais defendendo visões políticas segregadoras, que mais separam os seres humanos em ódio e preconceito do que esclarece e edifica, você e o seu Deus, são falsos!

Se você emite opiniões com uma intenção maldosa, faz piadas sobre pessoas e instituições que colocam os envolvidos em situações tristes ou humilhantes, onde apenas você e seus amigos, que comungam as mesmas ideias, se sentem bem e acham graça, você, seus amigos e o Deus que servem, são falsos!

Se você busca meios de favorecer a sua família, seus amigos e é insensível ou indiferente aos problemas e necessidades de todo o resto da população mundial, você e o Deus que você serve, são falsos!

Se você costuma esbanjar dinheiro, desperdiçar alimento só para mostrar aos outros que a sua geladeira está sempre cheia, quer frequentar os lugares mais caros e fazer parte de uma elite privilegiada e fútil, você e o Deus que você diz conhecer mais do que ninguém, são falsos!

Se você acredita que todo o dinheiro e a posição que você conquistou é mérito seu e que por conta disso, não precisa ajudar ninguém, você e o Deus que você diz servir, são falsos!

Se você diz ser bondoso, ser temente a Deus, ser fiel a palavra de Jesus, mas não consegue perdoar, se vitimiza, faz drama, vive melindrado, cobra amor, atrapalha a vida dos outros com seus descompassos emocionais e ainda se sente superior, você e o seu Deus são falsos!

Se você se eleva em relação aos outros, acredita que suas opiniões são sempre mais importantes, é orgulhoso, vaidoso, é capaz de maldizer quem quer que seja, principalmente se estiver atrapalhando o seu caminho, deseja (consciente ou inconscientemente) o mal a alguém, mesmo que esse alguém já tenha te feito mal (e se não tiver feito), você e o seu Deus, são falsos!

Se você diz conhecer Jesus, diz que o ama, mas basta um “problema” acontecer, uma indisposição, alguém te contrariar, para você começar a jogar pedras invisíveis, condenar, e fazer tempestades em copo d’água, meu amigo, ei de te alertar que o Deus que você serve e você, são falsos!

Digo isso por um simples fato: Quem conhece a Deus de verdade não possui a capacidade de fazer o mal a ninguém!

Não maldiz seu semelhante, aliás, esse é um grande ponto a se ressaltar: Quem conhece a Deus de verdade, enxerga o outro como semelhante, ao contrário daquele que é falso e que vê o outro sempre como um ser inferior, ou como um competidor, ou até como uma ameaça!

Quem conhece a Deus de verdade e sente o verdadeiro amor que Jesus veio nos ensinar, jamais deseja ser o motivo de queda de ninguém, nem daqueles que o perseguem!

Vigia constantemente seus pensamentos e emoções, e em oração, pede a Deus, exteriorizando todo o seu amor, que todo mal se cure!

Sua vida é pautada na bondade e no amor!

Se sente incomodado com a maldade, mas não paga na mesma moeda, pois aprendeu a perdoar com aquele que é seu mestre: Jesus!

Quando se entristece, não deposita no colo dos outros a sua dor e nem deseja descontar seu descontentamento, pelo contrário, sai por aí fazendo caridade porque sabe que apenas alguns minutos de bondade possuem o poder de mudar qualquer situação ruim, em momentos extremamente felizes!

Quem conhece a Deus de verdade não possui o péssimo hábito de lutar contra as vontades do criador!

Dificilmente o veremos reclamar de algo ou alguém, e muito menos reclamar a Deus por algo que não aconteceu como ele queria, pois ele sabe que os planos de Deus são infinitamente mais inteligentes e sábios do que os dele!

Ele sabe que Deus envia as lições no momento mais propício e que estamos aqui para aprender e não para gozar de uma vida regada a luxos e frivolidades!

Ele conhece a verdadeira história de Jesus e não se entrega a incoerência das Igrejas abastadas, que se vangloriam do luxo, da pompa e do poder, visto que Jesus NUNCA comungou com esses poderosos!

Pelo contrário:

Eles foram os culpados por sua crucificação!

Esses que buscam o poder e a gloria para sempre, e que o expõe na cruz como um troféu em seus altares para que olhemos Jesus sofrendo na cruz e pensemos: olha como ele sofreu por nós!

Na verdade a mensagem que querem passar é outra: Olha o que fizemos com aquele que ousou nos enfrentar! Quer cometer a mesma ousadia? Então estejam cientes das consequências!

Nunca foi para nos lembrar que Jesus sofreu por nós, sempre foi para nos intimidar e nos fazer temer!

Jesus posto ensanguentado na cruz é uma forma que encontraram de nos intimidar!

Jesus exposto, seminu, sofrendo e ensanguentado na cruz é apenas uma forma de intimidação que usaram para que ninguém ousasse cometer o mesmo ato de coragem!

Para que ninguém ousasse enfrentar esses poderosos que dizem conhecer a Deus mais do que qualquer um, mas que na verdade, são a imagem e a semelhança do “mal” encarnado!

São capazes das piores atrocidades para se darem bem na vida, e as formas que inventam para alcançar seus objetivos são sempre ardilosas!

Mas quem conhece a Deus de verdade não da guarita ao mal!

Nunca! Pelo contrário, canaliza todo mal que o assola em pura luz!

Pense hoje sobre isso e se pergunte: Qual Deus eu estou servindo?

Talvez seja a hora de se perguntar isso!

Pessoas falsas possuem o dom de venerar um Deus falso, que existe apenas na cabeça dos inglórios e mentalmente perturbados em suas vaidades e preconceitos!

Um Deus que não alcança os corações porque não ama ninguém! Nem a si mesmo!

Um Deus que não sabe amar não pode ser Deus, concorda?

Porque Jesus disse que Deus é amor e que só o amor verdadeiro é capaz de curar!

Então, se você frequenta uma religião cujo amor emitido pelo Deus que ela diz servir ainda não foi capaz de, com esse amor, curar esse seu coração que te causa tanta dor, e que é capaz de causar dores ainda maiores nos outros, tenha a certeza: Esse Deus é falso! E você e quem o cultua, são falsos… também!

Se assim permanecer, se enganando e enganando aos outros, suas dores e suas motivações egotistas, por consequência, se tornarão ainda piores! Porque é impossível curar um coração impuro com outros corações impuros!

É preciso beber da fonte do amor para encontrar a cura!

Porém, muitos preferem beber da fonte do ódio, do ressentimento, da ganância, muitos, visam apenas mais poder, mais dinheiro, e se aproximam de pessoas por interesse!

Querem todo o ouro e o louro pra si e para os seus, e desejam que o resto se lasquem!

Esses, meus amigos, além de servirem a um Deus falso, levam muitos junto com eles a uma vida de degradação, mesmo que pensem estarem salvos por frequentarem o local x ou y, costumam fazer o inferno na vida de seus familiares e puxar o tapete de alguns colegas!

Cuidado com aqueles que acreditam conhecer a Deus mais do que qualquer outro ser humano na Terra!

Se não forem bondosos e compassivos, é uma completa mentira!

E fiquem atentos se esses, que dizem conhecer o verdadeiro, fazem bondades apenas para promover status e manter as aparências…

Primeiro analise os seus comportamentos e atitudes! O falso sempre falará uma coisa e fará outra.

Primeiro observe as emoções que eles emitem! Alguns falsos servos de Deus são facilmente reconhecíveis, e é possível sentir a vibração maldosa que exalam!

Algumas palavras bastam, um olhar, uma crítica nada construtiva, um comentário sobre a vida alheia, e já conseguimos detectar a falsidade no ar!

Essas pessoas maldosas que se escondem atrás de um Deus falso para viverem suas vidas “aparentemente” santas, receberão a lição que merecem, mas por enquanto, orem por elas, e apenas se afastem!

Pelo menos até que elas conheçam a Deus de verdade!

Amém!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS

COMENTÁRIOS




Iara Fonseca
Jornalista, poeta, educadora social, fundadora e editora de conteúdo do Rede de Ideias: PRODUÇÃO DE CONTEÚDO. Seu interior é intenso, sempre foi, transforma suas angustias em textos que ajudam muito mais a ela própria do que a quem lê. As vezes se pega relendo seus textos para tentar colocar em prática aquilo que, ela mesma, sabe que é difícil. Acredita que viemos aqui para aprender a ser, a cada dia, um pouco melhor, para si mesmo, e para o outro!