Pelo suor, pelas lutas, pelo trabalho e, principalmente, pela fé, SE VENCE. Ninguém é capaz de conquistar absolutamente nada sem TRABALHO e sem DEUS.

É Ele quem conquista e entrega a benção de quem acredita e faz por merecer. Nós, somos apenas os instrumentos da ação e o canal de recepção.

Cada um sabe o preço que paga e o suor que pinga para ter o fruto da luta.

A vida pulsa na FÉ e brilha na LUZ FORTE da proteção Divina e o resultado de qualquer coisa que desejamos, só chega desta forma, acreditando na força da fé e mandando ver com a força das mãos.

A vida é linda, mas exige muita luta pra deixá-la do jeitinho que a gente quer.

Acredita?

Pense, planeje, execute o seu trabalho. Arregace as mangas, levante a cabeça, veja a VITÓRIA e vai na fé!

Assim que é!

Aprendi com os Ipês.

Os ipês são lindos demais. Eles têm tanto a nos ensinar. Para florescer, eles precisam, primeiramente, perder todas as suas folhas, secam, atravessam o frio e a falta de chuvas, passam por condições extremas, enfrentam o inverno bravamente e quando todos pensam que eles estão quase morrendo, eles desabrocham, em flores lindas, mostrando que estão mais vivos e fortes do que nunca, nos dizendo que temos sempre que ter esperanças, perseverança e fé.

Assim como os ipês, na vida de cada um, há sempre aquele período que não é nada fácil.

Enfrentamos os nossos invernos e secas, suportamos os anseios, as incertezas, os medos e sofrimentos e quando estamos quase perdendo as forças, quando perdemos nossas folhas e flores, chega Deus e nos banha com aquele raio de sol que abre um caminho de luz até o nosso coração, fortalecendo nossas raízes e despertando-nos novamente para a vida, nos dizendo que chegou o tempo de florescer e crescer novamente.

Somos vaso novo nas mãos do Oleiro.

Somos construídos e reconstruídos por Deus constantemente.

Aprendi observando os Ipês:

A beleza da vida, precisa muitas vezes passar por dias desertos, noites frias, tardes solitárias e doses cinzas de desgosto e tristeza, para então desabrochar a alma e deixar o coração explodir em vivas cores de alegrias, graças e amor.

A espera por florescer, compensa qualquer desafio.

Cada flor conquistada consola qualquer dor sentida.

Somos esse testemunho, somos essa semente, somos os que prosperam e geram bons frutos ao final de cada passagem, pois a fé é certeza de que a chuva de bênçãos sempre vem para nós e faz de novo, avivar e colorir a vida com as riquezas, belezas e triunfos com as quais nosso Deus nos presenteia sempre que fazemos por merecer.

Aprendi com os ipês, esses professores da vida.

*Foto de Allec Gomes no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Cleonio Dourado
Escrever é uma fuga que sempre uso. Não tenho temas. Não tenho destinos. Alguns devaneios e desatinos, quem sabe. Solto as palavras ao vento. Viajo ao vê-las viajando pelo ar. Recolho as que voltam nos relentos das manhãs e me lavo em seus afagos. Eu me aguo, renasço. Palavras me acariciam a alma, despertam-me sentimentos, paz, calma. Leio, releio, rascunho e escrevo. Faço dos textos da minha lida, as estrelinhas da minha vida