Não é sobre o quanto a relação durou, é sobre a marca que ficou!

Quem nunca ouviu ou pronunciou a frase “ah, que pena que não deu certo” referindo-se a um relacionamento amoroso, longo ou breve, que chegou ao fim?

Então, penso que é muito relativo o conceito de “dar certo” ou “dar errado”.

Posso explicar: se você é um homem que estava há muito tempo desiludido, se sentindo apático e desinteressante e se deparou com uma mulher que abalou as suas estruturas, que fez um bem danado à sua autoestima, deu certo, sim.

Ela pode ter ido embora depois de uma noitada, mas o recado foi dado.

A missão dessa mulher era apenas mostrar que você pode amar de novo e que você está com a virilidade a pleno vapor.

Imagina uma mulher, que teve uma relação por anos, e nunca teve prazer sexual porque não tinha conexão com o ex-marido, com quem casou-se virgem.

Ela, que perdeu as contas das vezes em que foi chamada de frígida, quando na verdade, apenas esteve nas mãos erradas. Se essa mulher cruzou com um homem, com quem viveu um breve affair e se descobriu sexualmente, deu certo, sim.

Se o contato com esse homem foi capaz de “ressuscitar” essa mulher que se sentia uma morta-viva, deu certo, sim. Pouco importa se esse vínculo durou uma noite, uma semana ou uma vida.

Não é sobre tempo, é sobre ter feito a diferença na vida de alguém.

É comum afirmarmos que um relacionamento “deu certo” quando os casais permanecem juntos, com a famosa promessa “até que a morte os separe”.

Conheço casais que estão há décadas juntas, mas se sentem sepultados em vida. Há casos em que não há respeito, nem cuidado, nem admiração, nem fidelidade, nem vida sexual.

Contudo, socialmente, eles são vistos como casais que “deram certo”. Eu penso que, se não estão felizes nem confortáveis, não deu certo. Eles apenas estão se suportando juntos.

Há amores breves que curam feridas antigas. Se houve algum grau de cura, valeu a pena, sim. Deu certo.

Não é sobre o quanto durou uma relação, é sobre as marcas que esse alguém nos deixou.

*DA REDAÇÃO SAG. Texto @ivoneterosa.escritora Foto de Luke Braswell no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Sou uma mulher apaixonada por tudo o que seja relacionado ao universo da literatura, poesia e psicologia. Escrevo por qualquer motivo: amor, tristeza, entusiasmo, tédio etc. A escrita é minha porta voz mais fiel.