Mulher paga para fazer compras sozinha no supermercado e diz “Tenho medo de germes”.

“Eu pago para que eles possam desinfetar tudo e sermos os únicos lá. Portanto, nunca estamos com outras pessoas e nem em contato com seus germes”, disse ela sobre sua prática, pois sofre de transtorno obsessivo-compulsivo.

Todos nós evitamos ao máximo os germes, tomamos cuidado ao comer, lavar e cozinhar tudo isso para não adoecer, mas existem alguns germes que não fazem mal. Eles estão no ar e não podemos evitá-los, apenas temos que manter uma boa higiene e com certeza estaremos protegidos.

Tem gente que desenvolve uma fobia, um medo incontrolável que os levam a se cuidarem ao extremo. Essas pessoas não gostam de dividir o espaço com outras pessoas e esse é caso dessa mulher que vamos mostrar aqui.

Emma, mora no Texas, nos Estados Unidos, e tem extrema aversão a doenças e à propagação de germes. Por isso, ela decidiu alugar um mercado durante uma hora, para não ter que compartilhar o espaço com outras pessoas.

Por meio de sua conta no TikTok @itsacretelife, ela compartilhou como é sua experiência e mostrou o supermercado totalmente vazio só para ela.

mulher-paga-para-fazer-compras-sozinha-no-supermercado-tenho-medo-de-germes1
TikTok / itsacretelife

Embora não seja algo barato, é uma prática que faz uma vez por semana e, embora o marido dela não tenha esse problema, ela já influenciou a própria filha. Segundo ela, o medo dos germes a protege, pois faz com que ela tenha mais proteções no dia a dia.

“Alugamos o supermercado por uma hora um dia por semana, pouco antes de abrirem. A gente paga pra desinfetarem tudo e eles deixam a gente ser o único ali pra não ficar com outras pessoas e seus germes (…) A gente só deixa ter um funcionário, tem que estar com máscara. também ensino nossa filha a viver essas experiências”. –Emma via TikTok–

mulher-paga-para-fazer-compras-sozinha-no-supermercado-tenho-medo-de-germes
TikTok / itsacretelife

Obviamente, isso causou um rebuliço nas redes e eos seguidores fizeram muitas perguntas, há lugares que eles não podem alugar e precisam conviver com outras pessoas. Portanto, eles não viajam de avião e comem muito pouco em restaurantes, claro, banheiros públicos são proibidos em suas vidas.

O casal defende a posição que assume com normalidade, sentem que é uma particularidade que lhes permite ter mais saúde, embora fosse ótimo consultar um psicólogo, não o reconhecem como um problema e acreditam que têm uma vida funcional.

O que vocês acham? Acreditam que eles estão certos?

NESSE VÍDEO, POSTADO NO yOUTUBE ELA MOSTRA COMO ANDA PELOS CORREDORES SOZINHA:

*DA REDAÇÃO SAG.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!