“Minha mãe fala mal de mim para todo mundo”: o que devo fazer?

Como as mães constituem uma parte significativa do nosso primeiro contato com o mundo, é compreensível que você se sinta conectado a essa metade da unidade parental. Em termos de relacionamento com sua mãe, o ideal seria que ela sempre falasse bem da gente, mas não é isso que acontece sempre. Algumas mães falam mal dos próprios filhos para os outros e esse comportamento pode ser muito prejudicial emocionalmente.

No entanto, o trabalho mais importante de uma mãe seria o de demonstrar amor ao filho, por isso, perceber que sua mãe pode não cuidar de você dessa maneira pode ser incrivelmente doloroso.

Suspeitar ou questionar o amor de sua mãe por você é uma dor que pode ser difícil de suportar.

Se você já se perguntou sobre os sentimentos de sua mãe em relação a você, várias situações dolorosas devem ter levado a essa percepção.

Sinais de que sua mãe pode ser a sua maior inimiga

Nem sempre é possível experimentar uma navegação tranquila 100% do tempo em nossos relacionamentos. Isso se aplica a relacionamentos românticos e platônicos, nossas relações com irmãos e, de maneira muito notável, com nossos pais.

Se a razão para supor que sua mãe o despreza decorre de discussões frequentes com ela, isso nem sempre confirma que ela não o ama. No entanto, se suas divergências vierem de longo prazo e se desviarem dos motivos típicos por trás das discussões dos pais, isso pode indicar algo mais sério em jogo.

A seguir estão alguns sinais que podem indicar que sua mãe tem sentimentos rudes em relação a você:

Sua mãe constantemente fala mal de você na sua frente e por traz

A crítica nem sempre é uma coisa ruim. Por um lado, ouvir os outros dar feedback honesto sobre nossa ética de trabalho, habilidades de comunicação ou relacionamento com outras pessoas, às vezes, pode ajudar a melhorar o relacionamento. No entanto, receber críticas severas pode ser extremamente doloroso, especialmente quando a pessoa que está fazendo isso é a sua mãe.

Se sua mãe sempre é capaz de encontrar um problema ou criticar tudo em você, desde questões menores, como sua escolha de roupas ou a quantidade de perfume que você usa, até áreas sérias como sua escolha de profissão ou um parceiro de vida, sua mãe pode não ser inofensiva ou ter boas intenções em relação a você.

Sua mãe se recusa a passar tempo com você

Como todos nós sabemos e temos experiência pessoal, dificilmente parece haver tempo suficiente durante o dia para equilibrar o trabalho, as atividades físicas, bem como o nosso relacionamento com os outros.

Se for uma luta lembrar a última vez que você passou um tempo de qualidade com sua mãe, pode doer aceitar que uma quantidade considerável de tempo se passou.

No entanto, a grande lacuna nem sempre indica quaisquer sentimentos negativos que sua mãe possa nutrir em relação a você. Sua mãe pode simplesmente estar oprimida e tendo dificuldade em organizar a vida e o tempo pessoal com os filhos.

Mas se sua mãe normalmente parece hesitante em se comprometer com planos de encontro, cancela tais planos com motivos fracos e, às vezes, excessivamente elaborados, ou está sempre impaciente para ir embora quando vocês se encontram, sem motivo justificável – é compreensível que isso possa fazer você questionar os sentimentos dela por você.

Sua mãe é má para você

Muitas pessoas descrevem suas mães como calorosas, atenciosas e amáveis. No entanto, se as opiniões dela sobre você forem mais frias, abusivas ou simplesmente cruéis, isso pode ser um sinal preocupante de que sua mãe nutre sentimentos negativos por você.

Suas razões para se sentir assim podem derivar de qualquer coisa. Talvez sua mãe torne óbvia a preferência pelos irmãos em seus dotes para com eles ou na maneira como se comunica com eles. Ou talvez sua mãe ataque você sem motivo ou ignore seus sentimentos.

Se a sua mãe nunca te elogia e sempre traz um problema para a conversa, esse é um sinal de que ela não nutre bons sentimentos por você.

Você tem uma sensação de medo quando está perto dela

Na maioria das vezes, as mães oferecem um refúgio para seus filhos. Mas, infelizmente, nem sempre é esse o caso, pois algumas mães podem ser a causa ou a raiz das preocupações, dificuldades e medos que seus filhos vivenciam.

Se você frequentemente recebe um tratamento inadequado de sua mãe na forma de palavras rudes, sentimentos repetidamente desorientados e se sente rejeitado, a comunicação é deficiente ou sempre surge um ou outro tratamento cruel, isso pode afetar o modo como você se relaciona com ela. Nesses casos, não será incomum sentir medo e não conseguir expressar sua infelicidade na presença de sua mãe.

Por que as mães falam mal dos seus filhos?

O normal seria que, quanto mais os filhos crescem, melhor a gente se dê com eles, mas isso pode se inverter em alguns casos. Pode acontecer de uma mãe se dedicar muito quando o filho é pequeno, mas basta ele crescer para começar as competições e o controle excessivo.

No entanto, nem todas as mães se encaixam nesse molde “normal”, têm algumas mostrando ou demonstrando desdém óbvio pelos filhos. Isso pode ser devido a uma série de razões, já que algumas mães podem sofrer de depressão, o que as torna rudes ou hostis com seus filhos.

Outras vezes, as mães podem ser distantes e frias com seus filhos devido ao desgaste emocional causado pelo esgotamento com seus papéis parentais. Em alguns casos, porém, as mães podem, simplesmente, escolher a grosseria em vez do amor pelos filhos.

Se você sente e percebe que sua mãe fala mal de você para as pessoas, mesmo, você fazendo tudo para ser a melhor pessoa que pode, você precisa colocar um limite nessa relação, caso contrário, você sofrerá consequências emocionais muito pesadas.

Priorize suas necessidades

Qualquer que seja o motivo que você suspeite estar por trás do comportamento de sua mãe, é importante se livrar da culpa e de quaisquer pensamentos negativos que o façam acreditar que não é digno de amor. Em vez disso, é melhor que você priorize a sua saúde mental.

O que fazer se sua mãe fala mal de você e demonstra desamor

Estar ciente de que sua mãe tem animosidade em relação a você pode afetar negativamente o seu bem-estar. Sentir essa dor pode levar a condições sérias como depressão e ansiedade, o que torna muito importante proteger sua saúde mental.

Abaixo estão algumas maneiras de lidar com o desamor de sua mãe para com você.

Frequentar terapia

Uma das maneiras mais confiáveis ​​de lidar com o sofrimento mental de uma mãe hostil é por meio da terapia.

Ao falar com um profissional qualificado, você poderá desvendar a forma como os maus-tratos o fizeram se sentir. Também ajudará a esclarecer qualquer culpa que você possa sentir pelas ações de sua mãe quando você não fez nada de errado.

Além disso, a terapia pode ensinar mecanismos de enfrentamento saudáveis ​​para impulsionar o tratamento, ao mesmo tempo que ajuda a descobrir as respostas adequadas a serem dadas durante os momentos tensos.

Tenha uma conversa séria com sua mãe

Quando você costuma receber palavras rudes ou tratamento frio de sua mãe, falar com ela sobre como você se sente pode parecer um esforço inútil.

No entanto, há poder em comunicar sua mágoa quando se espera que ela chegue ao fim. Contar para sua mãe em linguagem clara como o comportamento dela afetou você e seu relacionamento com ela pode ser um sinal de alerta para ela, mas pode ser que isso não funcione e ela despeje ainda mais culpa em cima de você. Mesmo assim, é bom que ela saiba tudo o que te causou, antes que você dê o passo seguinte.

Afaste-se de sua mãe

Há casos, porém, em que falar com sua mãe e comunicar sua dor não dá resultado ou até piora as coisas porque uma mãe que fala mal dos filhos para pessoas que também não gostam do seu filho, não está pensando no bem dele, não acham? Mas ela pode justificar a ação e se esquivar dizendo que não foi a sua intenção. Nesses casos, especialmente quando ela continua emocionalmente abusiva em relação a você, pode ser importante tomar as medidas necessárias para manter a distância um do outro.

Manter distância ajuda a proteger o seu bem-estar. A distância pode assumir a forma de sair da casa de sua mãe e morar com outro membro da família ou amigo, ou simplesmente, mudar de cidade e fazer a sua vida bem longe dela.

A distância também pode significar limitar o contato pessoal. Mas com o advento da tecnologia, tem mãe que, mesmo com o filho indo morar bem longe dela, ela ainda sim, dá um jeito de causar na vida dele através de mensagens no WhatsApp ou nas redes sociais, nesse caso, não sinta culpa em bloqueá-la.

Obtenha suporte adequado

Lidar com a reprovação de uma mãe rude pode ser difícil até para as pessoas mais fortes. É por isso que reunir amigos e familiares durante esse período para ter apoio emocional e buscar outras formas de apoio, como um grupo de pessoas que vivenciaram a mesma dor pode ser um passo importante para proteger e promover o seu bem-estar.

Infelizmente, existem muitas mães assim e você vai perceber que não está sozinha(o)! Conte a sua história aqui e você vai ver que muitas pessoas vão te apoiar e te oferecer o amor que você realmente merece.

*DA REDAÇÃO SAG. Com informações VW Foto de xandtor no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!