O patriarca Kirill, líder da Igreja Ortodoxa Russa declarou recentemente que a dependência de smartphones e da tecnologia moderna pode trazer o Anticristo à Terra.

A afirmação veio a público em uma entrevista concedida a uma rede de televisão russa onde ele afirmou categoricamente que quem possui smartphones deve tomar cuidado com ao utilizar a internet móvel porque na sua concepção, será através dela que o anticristo verá uma oportunidade de controlar a raça humana a nível global.

‘O Anticristo é a pessoa que estará à frente da internet, controlando toda a humanidade’, disse Kirill

Para ele, ficar o tempo todo respondendo mensagens no celular, ou se preocupando em recebê-las pode e vai afetar a sua saúde mental. O patriarca aconselha um “jejum tecnológico”.

“Toda vez que você usa seu gadget (dispositivos como celulares, tablets e laptops), quer você goste ou não, quer você habilite ou não a localização, alguém pode descobrir exatamente onde você está, saber exatamente quais são seus interesses e do que você tem medo”, disse o religioso ao canal Rossiya 1.

Kirill acredita que todas as informações que disponibilizamos serão utilizadas contra nós e que se não estiverem as utilizando ainda, em breve as utilizarão.

“Mais dia, menos dia os dispositivos e a tecnologia não vão apenas fornecer acesso a todas as informações, mas também vão permitir o uso dessas informações”, afirmou.

E continuou:

“Você imagina o poder que estará concentrado nas mãos daqueles que ganham conhecimento sobre o que está acontecendo no mundo?”

E insistiu:

“Esse controle de um ponto é um presságio da vinda do Anticristo”.

Kirill foi questionado pelos telespectadores com muito ceticismo, perguntaram se a sua Igreja era contra o avanço da tecnologia e também foi acusado nas redes sociais de servir o governo.

Ele afirmou que não é contra o “progresso tecnológico”, mas contra “o desenvolvimento de um sistema que visa controlar a identidade de uma pessoa”.

Para quem não sabe, o presidente russo Vladimir Putin é extremamente nacionalista e frequentador assíduo da Igreja de Kirill e já fez uma peregrinação ao Monte Athos, na Grécia, e a outros locais ortodoxos considerados sagrados.

As informações que nos chegam sobre a Russia é que navegar na internet está cada vez mais restrito e as autoridades pretendem criar uma internet independente, essa ameaça a liberdade de acessar as informações mundiais está sendo criticada e agora as críticas se voltaram para o patriarca que vem sendo acusado de manipular as massas e usar a sua autoridade para influenciar os russos a acatar as políticas do governo atual.

Algumas críticas são bem humoradas:

“Eles proíbem a internet internacional na Rússia para que o Anticristo não apareça”, observou um usuário no Twitter.

O que você pensa sobre isso?

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS

COMENTÁRIOS




Iara Fonseca
Jornalista, poeta, educadora social, fundadora e editora de conteúdo do Rede de Ideias: PRODUÇÃO DE CONTEÚDO. Seu interior é intenso, sempre foi, transforma suas angustias em textos que ajudam muito mais a ela própria do que a quem lê. As vezes se pega relendo seus textos para tentar colocar em prática aquilo que, ela mesma, sabe que é difícil. Acredita que viemos aqui para aprender a ser, a cada dia, um pouco melhor, para si mesmo, e para o outro!