Ignore quem usa suas qualidades contra você.

Não permita que usem sua liberdade para dizerem que você é promíscuo.

Não leve em conta quem usa o seu bom humor para falar que você é imaturo.

Não dê ouvidos a quem julga o seu amor-próprio como egoísmo.

Não deixe que usem a sua autenticidade para afirmarem que você é louco.

Você apenas vive de acordo com a dimensão de sua essência ilimitada.

Você somente respira com tranquilidade e dorme com a consciência leve, pois não se permite sobreviver penosamente através de atuações teatrais, de sorrisos forçados, de amores pela metade.

Você só é gente de verdade e isso nunca ninguém conseguirá tirar de dentro de seu coração.

Apenas ignore… e Ignore.

“Nunca se pode concordar em rastejar, quando se sente ímpeto de voar.” Helen Keller

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS

COMENTÁRIOS




Prof. Marcel Camargo
Graduado em Letras e Mestre em "História, Filosofia e Educação" pela Unicamp/SP, atua como Supervisor de Ensino e como Professor Universitário e de Educação Básica. É apaixonado por leituras, filmes, músicas, chocolate e pela família.