Família é onde a gente se sente a vontade! É um ninho que acolhe de um jeito tão especial que provam com gestos e atitudes o quanto te amam, pois te ajudam, e te querem por perto!

Não necessariamente, quer dizer: “mesmo sangue correndo nas veias”.

Muitas vezes formamos nossos laços de amor depois de adultos e grupos de amigos se tornam irmãos de verdade!

É se sentir amado, é ser acolhido, é ter um milhão de motivos para chorar e mesmos assim sorrir de felicidade pelo reencontro.

É querer um bem enorme!

É ter chances de demonstrar o quanto se importa, e retribuir os carinhos que recebe.

É onde conhecemos o amor verdadeiro, quando recebemos o ombro, e nos doamos por inteiro.

É a aceitação do diferente!

É tolerar opiniões divergentes, mas deixar o pau quebrar solto em um almoço de domingo, e antes que os pratos estejam limpos no escorredor da pia, já estão todos mundo bem, obrigado!

É se sentir abençoado por Deus ter colocado essas pessoas em sua vida!

É onde nos sentimos bem, onde sentamos de pernas abertas, onde ficamos totalmente a vontade!

Família de verdade não é aquela que faz você se sentir culpado, que te pressiona a agir da maneira como eles querem, que te forçam a seguir por caminhos que não te fazem feliz!

Não é aquela que você não escolheu, que te faz sofrer, mas mesmo assim, você é obrigado a conviver!

Isso aí, são só “parentes”.

Feliz e abençoado é aquele que nasceu em um lar onde a família (parentes) o deixa se sentir a vontade para ser quem ele quiser ser!

Feliz é aquele que foi colocado dentro de um lar abençoado onde existe respeito as individualidades, e as suas escolhas não são julgadas, muito menos, condenadas!

Mas também é muito feliz e abençoado aquele que não teve a sorte de nascer em uma “família de margarina”, porém, conseguiu ao longo da vida construir a família mais legal do mundo!

Aquela FAMÍLIA que o deixa a vontade de verdade! Aquela que o acolhe, o compreende, o alimenta de amor e aviva a sua autoestima com a sua amizade!

A verdadeira família é como aquela que Jesus nos mostrou na Santa Ceia!

São as pessoas que amamos de verdade e que também nos amam, e que convidamos para sentar conosco em nossa mesa! Aqueles com quem dividimos o pão e o vinho, e de quando em vez, por amor, nos ajudam a multiplicar os peixes…

Família é ter com quem contar sem ter que dar explicações, fazer relatórios, planilhas e bater continência!

É a união de pessoas que só querem o nosso bem, que nos seguram no colo quando precisamos, e que também acolhemos quando eles precisam!

É onde existe um amor que não se mede em palavras!

É onde não nos fazem cobranças! Onde não nos controlam! Onde ninguém quer nos tomar de posse!

Família de verdade mesmo é simplesmente uma troca afetiva que nos fortalece e nos motiva, a ser sempre a nossa melhor versão!

LEIA MAIS: Não existe solidão onde existe amizade verdadeira

Uma família que nos torna o pior que podemos ser, não é família, é provação, carma, castigo de Deus… dê o nome que quiser dar, mas família não é não!

Se afaste desse tipo de “família” que te faz sentir o “cocô do cavalo do bandido”. Mesmo que eles digam que fazem isso por amor, porque se preocupam, porque querem te ver feliz!

Lembre-se: Ninguém nunca te fará feliz atropelando as suas vontades!

Família mesmo é aquela onde nos sentimos a vontade para ser quem a gente é de verdade!

Texto: Iara Fonseca

É proibida a reprodução em outros sites dos artigos de Iara Fonseca sem a devida autorização por escrito da autora.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Iara Fonseca
Jornalista, escritora, editora chefe e criadora de conteúdo dos portais RESILIÊNCIA HUMANA e SEU AMIGO GURU. Neurocoaching e Mestr em Tarot. Para contratação de criação de conteúdo, agendamento de consultas e atendimentos online entrem em contato por direct no Instagram.