Estudo de Harvard que já se estende por quase 80 anos tentou desvendar o verdadeiro projeto de Deus para a felicidade.

Qual é o segredo para viver uma vida feliz? Essa é a única pergunta que uma das mais antigas pesquisas sociais denominadas Harvard Grant Study se propôs a responder, composta por 268 estudantes de Harvard, oriundos de diferentes formações e caminhadas. O estudo começou em 1938 e se estende até hoje.

O psiquiatra de Harvard e líder do estudo de 1972 a 2004, George Vaillant publicou os resultados da pesquisa que lança luz sobre o comportamento humano. Também revelou o verdadeiro desígnio de Deus para a felicidade – embora não tenha tanta certeza se o estudo pretendeu fazer isso.

Aqui estão alguns dos resultados que para ele estão tão intimamente ligados aos princípios de Deus:

1. O maior destes é o amor

Vaillant compartilha que um dos dois pilares da felicidade é o amor, sendo o outro “encontrar uma maneira de lidar com a vida que não te afaste do amor”.

Muito do que procuramos tem a ver com encontrar um amor que dure. Não é por acaso que 1 Coríntios 13:13 também nos diz:

“Então agora a fé, a esperança e o amor permanecem, esses três; mas o maior deles é o amor”.

Em nossa busca pelo amor, é difícil encontrar qualquer amor que corresponda ao amor infinito de Cristo.

Deus é o único capaz de nos amar incondicionalmente e na magnitude que Ele nos ama. Ele nos ama tanto que deu seu único filho por todos nós.

2. Relacionamentos Significativos Importam Mais

O maior mandamento que Deus nos dá é amá-lo com todo o coração, alma, mente e força, e amar os outros como a nós mesmos. (Mateus 22: 36-40)

Outra maneira de dizer isso é realmente construir nosso relacionamento com Deus e com os outros.

Deus é um Deus de relacionamentos e busca reconciliar primeiro nosso relacionamento com Ele e, nesse processo, reconciliar-nos com os outros.

O Harvard Grant Study afirma isso compartilhando que os relacionamentos significativos – e não os descartáveis ​​- são os que nos trazem mais felicidade e alegria. Encontramos verdadeiro significado e felicidade nos relacionamentos ao longo da vida que procuram amar e servir aos outros.

Relacionamentos íntimos, mais do que dinheiro ou fama, são o que mantém as pessoas felizes durante toda a vida, revelou o estudo. Esses laços protegem as pessoas dos descontentamentos da vida, ajudam a atrasar o declínio físico e mental e são melhores preditores de vidas longas e felizes do que a classe social, QI ou mesmo genes. Essa descoberta se mostrou verdadeira entre os homens de Harvard e os participantes.

3. Dinheiro não é a resposta definitiva

Outro aspecto do estudo também mostra como o bem-estar emocional não é diretamente proporcional ao aumento da renda pessoal. O mundo quer que você acredite que ter mais dinheiro e posses é o que faria você feliz.

Mas estudos mostram que simplesmente não é o caso.

Em vez disso, o que traz verdadeira felicidade é ter um nível de satisfação no que você faz e tem.

Hebreus 13:5 atinge a mesma nota quando nos diz:

Você pode encontrar a felicidade em qualquer momento da sua vida, porque nunca é tarde para mudar.

Você pode presumir que uma pessoa nascida em um berço de ouro tem mais chances de ter felicidade do que alguém nascido em um contexto menos vantajoso, mas esse não é necessariamente o caso.

Em uma anedota contada ao The Huffington Post, Vaillant relata a história de um participante que classificado como o que tinha menores chances de estabilidade futura. Seu nome era Godfrey Minot Camille e ele havia tentado se suicidar antes de participar do estudo. No entanto, até o final, Camille foi relatado como um dos participantes mais felizes. “Ele passou a vida procurando amor”, explica Vaillant.

Para ir além, aqueles que enfrentam situações difíceis ou mudanças são capazes de encontrar a felicidade com os mecanismos de enfrentamento adequados para transformar dificuldades em experiências em aprendizado.

“Mantenha sua vida livre do amor ao dinheiro e se contente com o que você tem, pois ele disse: ‘Nunca te deixarei, nem te abandonarei.”

*DA REDAÇÃO SEU AMIGO GURU. Tradução e adaptação com informações de Christian Today e Harvard.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Seu Amigo Guru
Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!