Ele largou a faculdade aos 18 anos e 2 anos depois se tornou o 3° homem mais rico do mundo!

Considerado o terceiro mais rico do mundo, o indiano ganhou uma quantia absurda, dois anos depois que decidiu largar a faculdade, com apenas 20 anos.

De acordo com o ranking Bloomberg Billionaires Index, o indiano Gautam Adani se tornou o terceiro mais rico do mundo, com um patrimônio líquido ue beira o absurdo, de US$ 137 bilhões. Com esse dinheiro todo, ele só tem a sua frente duas figuras bem conhecidas no mundo todo: Elon Musk da Tesla e Jeff Bezos, da Amazon.

O QUE O TORNOU RICO

O patrimônio de Adani foi construído no setor de indústria, onde ele comanda um dos maiores grupos da Índia. Entre os principais investimentos, estão usinas de energia, portos, minas de carvão e aeroportos.

O patrimônio de Adani cresceu durante a pandemia

Conhecido como o “rei da insfraestrtura”, todos os investimentos da terceiro homem mais rico do mundo vem da sua empresa Adani Group. Após realizar diversas aplicações, o bilionário viu sua fortuna crescer exponencialmente.

Adanbi viu no setor de energias renováveis a sua mina de ouro. E ele estava certo.

O investimento de US$ 70 bilhões em projetos relacionados à energia renovável até 2030 foi um dos principais planos de Adani. Essa proposta acompanha oas intenções do primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi.

De janeiro a maio deste ano, com a valorização das ações na bolsa de valores indiana, a fortuna do rei da infraestrutura cresceu US$ 43,4 bilhões.

Adani é, atualmente, o único bilionário do setor da Indústria que ocupa espaço nas primeiras posições do ranking.

COMO TUDO COMEÇOU

Após abandonar a faculdade aos 18 anos, Adani sentiu que deveria sair da sua cidade natal, Ahmedabad, e foi para Mumbai. Lá, percebeu que teria chances de crescimento se trabalhasse com pedras preciosas e resolveu abrir uma empresa especializada na identificação de diamantes verdadeiros, mas o empreendimento não parou por aí e evoluiu para compra e comercialização das pedras preciosas.

Essa atitude empreendedora rendeu frutos e com apenas 20 anos, o indiano já era um milionário e passou a fazer parte do comércio exterior de uma fábrica de plástico localizada em Ahmedabad, onde era responsável pela compra e venda de matérias-primas.

Mesmo muito rico, ele não se acomodou, e resolveu migrar o seu negócio para a mineração de carvão, privatizou o Porto de Mundra, considerado o maior porto comercial do país e também o mais relevante ponto de importação de carvão.

Atualmente, Adani administra 7 aeroportos e procura expandir sua atuação em países vizinhos. Além disso, o bilionário está investindo em data centers, que são instalações físicas que as companhias utilizam para hospedar aplicativos e dados essenciais.

Ele é um exemplo de visão de negócios, e mesmo que as coisas mudem, ele sempre está pronto para surfar na nova onda. Esse comportamento e essa visão o tornaram rico.

E você? Tem coragem de arriscar como ele fez?

*DA REDAÇÃO SAG. Com informações Seu Crédito Pessoal.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!