Ele cuidou do seu amigo até o seu último dia de vida “Ele lhe deu o apoio e carinho”.

“Se alguém me pedir um nome que represente o amor, vou citar Antonio. Meu pai era muito magro e frágil, mas encontrou nos braços do meu cunhado Antonio o apoio e o carinho que precisava para viver seus últimos dias de vida”, disse Joviana Venturini Pinto, filha do idoso falecido.

Há amores que são para a vida toda, isso acontece quando as pessoas certas se juntam. É por isso que, quando um dos dois tiver que partir, não será uma situação fácil para o outro, que ficará com uma dor profunda no coração. Mas não se trata apenas de casais que se amam e se ajudam, mas amigos verdadeiros podem ter esse mesmo relacionamento.

Um caso que serve de exemplo perfeito de que se pode amar alguém para a vida toda, sem precisar ser família direta ou casais, é o de Antonio e seu amigo, ele que cuidou de seu melhor amigo até o último dia de vida.


Joviana Venturini Pinto

Esta triste e comovente história foi contada por Joviana Venturini Pinto, filha do homem que morreu, em sua conta na rede social Instagram, onde mostrou fotos dos momentos finais de seu pai e Antonio, que é seu cunhado e moravam juntos. Antonio cuidou dele quando mais precisou.

“Se alguém me pedir para mostrar uma imagem que demonstre amor, vou lembrar dessas fotos. Se alguém me pedir um nome que represente o amor, citarei Antonio. Papai era muito magro e frágil, mas encontrou nos braços do meu cunhado Antonio a força e o carinho de que precisava para viver seus últimos dias de vida”, disse.

ele-cuidou-do-seu-amigo-ate-o-seu-ultimo-dia-de-vida-ele-lhe-deu-o-apoio-e-carinho3
Joviana Venturini Pinto

“Antonio não é jovem, tem 75 anos. Mas ele era incansável em cuidar do papai de Joviana. Dava banho nele (o papai só aceitava que ele fizesse isso), trocava fraldas, vestia, alimentava, oferecia chá, assistia a vídeos repetidos no YouTube (todos os dias iguais), orava, passava o dia ao lado do sogro conversando e acompanhando. Foi ao seu lado, minutos depois de ouvir uma oração, que ele faleceu”, acrescentou.

Joviana, que é jornalista nascida no Brasil, é muito grata a Antonio por fazer seu pai se sentir uma grande companhia em seus momentos mais difíceis.

“Antonio, nossa família é só gratidão pelo que você fez. Felizmente, a última imagem que papai teve antes de partir foi a imagem de um grande homem como você. Em nome de toda a família, obrigada!”, escreveu a filha em suas redes sociais.

ele-cuidou-do-seu-amigo-ate-o-seu-ultimo-dia-de-vida-ele-lhe-deu-o-apoio-e-carinho2
Joviana Venturini Pinto

Por meio desta rede social, ela informou que seu pai faleceu em 9 de janeiro de 2022, acompanhado de seus entes queridos.

“Nosso velho se foi. Papai viveu 89 anos bem vividos e morreu esta tarde cercado pelo amor de sua família, em casa, serenamente“, lamentou.

“Ele foi mimado até o fim por seus filhos, netos e genros. Temos certeza de que amor e carinho não faltaram a ele”, completou.

Essa história de amizade comovente encheu nossos corações de amor!

Ele encontrou nos braços do SEU MELHOR AMIGO o apoio e o carinho que precisava para viver seus últimos dias.

Por mais amizades como essa!

*DA REDAÇÃO SAG.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!