Dizem que você é trouxa, mas é o seu coração que é bom!

Ter o coração bom, em um mundo machucado é difícil, eu sei.

As pessoas duvidam de você, das suas palavras, da sua intenção, do seu perdão. As pessoas estão acostumadas com a reação.

Com o impulso reativo. Com o grito.

Quase sempre você quer ouvir todo mundo. Todos os lados.

Quase sempre você quer entender o que levou alguém a fazer o que fez com você. Saber das dores do outro, para saber o motivo do outro te causar uma dor.

Eu sei que você já tentou mudar. Que você já tentou lutar contra essa sua empatia. Eu sei.

O seu cuidado em entender o mundo é bonito, mas não transforma isso em peso.

Não coloca isso na cabeça, que você é trouxa. Seu coração é bom.

E hoje, mais do que nunca, as pessoas de bom coração se machucam mais, porém a vida sempre devolve para elas coisas boas.

Trouxa é quem não consegue entender a sua grandiosidade.

Eu sei que não está nada bem. Que o seu coração está apertado. Que você tem duvidado muito da sua capacidade de conquistar sonhos. Que tem dado muito ouvido a quem não sabe nada sobre a sua história. Mas eu queria te dizer que você não está sozinha(o).

Quero te pedir pra você chorar. Colocar pra fora essa vontade presa no seu coração. Chorar é bom.

Sua vulnerabilidade é a maior prova da sua coragem. Só os fortes conseguem admitir que precisam parar. Descansar. Recuar para avançar.

Quero que saiba que você tem alguém especial se inspirando nessa sua força. Então, não desista.

Tente sempre outra vez. Tente sempre por você. Opte sempre pela sua felicidade.

Uma pessoa feliz é uma casa agradável com cheiro de café quentinho. E até quem não gosta de café se sente acolhido.

Cuide-se, pois você precisa se cuidar. E fique bem. Faz uma oração, a reza ou a prece que achar melhor. O seu templo é o seu coração.

*DA REDAÇÃO SAG. (Edgard Abbehusen)

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!