Deus fez a madrasta para unir uma família dividida!

Um dia, Deus olhou do céu e viu uma família dividida em duas.

Ele entendeu que havia muitas maneiras de uma família ser feliz.

Com o tempo, as circunstâncias e as situações difíceis, os integrantes foram agredidos e feridos.

Eles precisavam de alguém para ajudar a consertar o que estava quebrado, então, em Sua sabedoria, Deus escolheu o tipo mais especial de mulher e a enviou para suas vidas exatamente quando eles mais precisavam dela.

Então Deus fez uma madrasta.

Ele sabia que ela precisava ser corajosa.

Entrar em uma casa cheia de estranhos e transformá-los em família não é tarefa fácil, e seria necessário alguém especial para estar à altura da tarefa. Ela teria que pagar suas dívidas e provar seu valor, não apenas para o homem que amava, mas também para seus filhos preciosos.

Então Deus fez uma madrasta.

Ele precisava de alguém que assumisse o desafio de herdar filhos aparentemente da noite para o dia.

Uma mulher que estava à altura da situação e colocaria as necessidades dessa família antes das suas, sempre.

Ele sabia que ela iria inventar pequenas maneiras de fazê-los se sentirem especiais e olhar dentro de suas almas para ver quem eles realmente eram.

Ela seria forte o suficiente para discipliná-los e lhes ensinar lições de vida, mas também suave o suficiente para que soubessem que sempre poderiam recorrer a ela.

Então Deus fez uma madrasta.

Ele precisava de alguém que amasse o pai e os filhos. Alguém que ficaria ao seu lado nos momentos bons e ruins, e mostraria a eles como o amor entre melhores amigos pode ser lindo. Ela restauraria o brilho em seus olhos e o riso em seus rostos.

Então Deus fez uma madrasta.

Ele sabia que ela seria resiliente – uma mulher que nunca desistiria de sua nova família.

Ela reconheceria a mágoa por trás do “Você não é minha mãe e do Eu não gosto de você” e os trataria com compaixão e graça. Ela não iria embora quando as coisas ficassem difíceis. . . e as coisas ficariam realmente difíceis.

Então Deus fez uma madrasta.

Ele precisava de uma mulher para adicionar cor às suas vidas. Aquela que os faria rir de piadas bobas e iniciar tradições familiares para eles ansiarem.

Ela os levaria em aventuras e abriria seus olhos para novas partes da vida. Ela sorriria com eles ao sol e traria alegria para seus dias.

Então Deus fez uma madrasta.

Ele precisava de alguém que sempre os protegeria. Ela guardaria os segredos que eles não podiam contar a ninguém e daria o braço para suas lágrimas. Seus ouvidos sempre estariam abertos para ouvir e seu coração aberto para entender.

Então Deus fez uma madrasta.

Ele escolheu alguém sábia o suficiente para saber que ela nunca poderia substituir sua mãe, mas dedicada o suficiente para amá-los de sua própria maneira perfeita e única. Ela respeitaria o vínculo que veio antes dela e nunca tentaria manchá-lo de qualquer forma.

Então Deus fez uma madrasta.

Nem sempre seria fácil – ele sabia disso.

Haveria lágrimas, sofrimento e lutas.

Algumas noites ela ia para a cama pensando se eles a aceitariam, mas ela acordaria no dia seguinte com força para continuar tentando. Ela saberia que tudo valeu a pena – que eles valeram a pena.

Dia após dia ela provaria que estava com eles para sempre.

E embora ela não compartilhasse seu sangue – mesmo que ela não deixasse passar seus olhos ou seu cabelo ou seu sorriso – ela os amaria com todo o seu coração de qualquer maneira. Como se eles sempre tivessem feito parte dela.

Ela não perceberia, mas seria a maior bênção – o melhor bônus – para suas vidas.

Então Deus fez uma madrasta.

*DA REDAÇÃO SAG. Com informações HFH. *Foto: George Rudy / Shutterstock.com

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Seu Amigo Guru
Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!