Deixe-o ir não porque você não o ama, mas porque você merece ser amada também.

Por Kirsten Corley

Deixe-o ir não porque você não tentou, mas porque você merece alguém que se esforça mais.

Deixe-o ir não porque você não era suficiente, mas porque ele nunca deveria ter feito você se sentir assim.

Deixe-o ir não porque você não gosta de conversar com ele, mas porque você merece alguém que também goste de conversar com você.

Deixe-o ir, não porque essa é a sua real vontade, mas porque, às vezes, as pessoas que você mais deseja não são as melhores.

Deixe-o ir não porque ele não a fez feliz, mas porque ele a deixou triste com mais frequência.

Deixe-o ir, não porque ele não se compromete com você, mas porque ele quem não merece a sua lealdade.

Deixe-o ir não porque ele é um cara mau, mas porque ele não é bom para você.

Deixe-o ir não porque ele não é uma escolha que você ainda faria, mas porque ele nunca deveria ter feito você se sentir uma apenas uma opção.

Deixe-o ir, não porque você não quer saber como ele está, mas porque ele deveria se importar com você também.

Deixe-o ir não porque você não pensa mais nele, mas porque ele parou de pensar em você há muito tempo.

Deixe-o ir mesmo quando ele te responder aquela última mensagem, porque você merece muito mais do que um texto que ele provavelmente ignorou várias vezes e só notou, quando o jogo virou.

Deixe-o ir porque ele não a valorizou o suficiente quando você queria ficar.

Deixe-o ir para que ele se lembre do que você tem de melhor, mas ele não merece a sua bondade.

Deixe-o ir, porque se ele se importasse, ele não deixaria você, ele ainda estaria segurando a sua mão. Mas ele não está.

Quando você realmente deixar ele ir, você perceberá que só tem sido você esse tempo todo.

*DA REDAÇÃO Seu Amigo Guru. Tradução e adaptação da Thougth Catalog.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Seu Amigo Guru
Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!