Entre 21 de abril e 22 de julho, o Programa de Saúde, Espiritualidade e Religiosidade (PROSER) promoverá o Curso de Formação: Espiritualidade no Cuidado em Saúde, voltado para a capacitação de profissionais de saúde e estudantes a partir do terceiro ano de graduação. O treinamento, realizado pela instituição mantida pelo Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (IPq-HC-FMUSP), tem por objetivo orientar a condução de avaliações religiosas-espirituais na prática clínica.

Com relação à articulação teórico-prática, o curso se baseará em atividades capazes de garantir a associação do conteúdo teórico oferecido à prática clínica. Para isso, serão utilizadas como estratégias de ensino a apresentação de estudos de caso, materiais conceituais sobre o tema e supervisões de anamneses realizadas pelos participantes.

Cada aluno deverá cumprir um número mínimo de entrevistas e realizar atendimentos supervisionados pelos professores. Os relatórios das anamneses serão elaborados em conjunto, de modo a estimular trocas de saberes e promover o aprendizado e entre os participantes.

Sob a coordenação do doutor Frederico Camelo Leão e do professor doutor Homero Pinto Vallada Filho, as aulas serão ministradas por um grupo de dez professores. Entre eles: Alexandre Cunha, Camilla Braghetta, Carolina Bassi, Everton Maraldi, Frederico Leão, Juliane Gonçalves, Katya Stubing, Marcelo Borges, Maria Cristina de Barros e Maria José Ribeiro.

Programação:

AULA 1 (21/04)

  • Definições de Espiritualidade/Religiosidade/Crenças pessoais na literatura e o modelo teórico adotado pelo ProSER.
  • Apresentação da Anamnese Espiritual do ProSER: desenvolvimento e utilização no IPq-HC-FMUSP
  • Índice dos temas que serão abordados ao longo do curso
  • O que abordar sobre E/R no contato com o paciente (dimensões mais relevantes de E/R)
  • Modelos de históricos espirituais desenvolvidos pelo mundo.

AULA 2 (22/04)

  • Religiosidade organizacional: as religiões no Brasil.
  • Experiências espirituais ou experiências anômalas.

AULA 3 (19/05)

  • Dimensões de E/R: Religiosidade Intrínseca e Extrínseca, Coping Religioso Espiritual (CRE)
  • Influência da E/R na saúde física e mental.

AULA 4 (20/05)

  • Aspectos negativos da E/R, Procedimentos médicos não permitidos pela R/E do paciente.
  • Abordagem do paciente psiquiátrico
  • Postura do profissional frente a diferentes crenças e religiões.
  • Como realizar a Anamnese Espiritual em diversos contextos de saúde e com diversos perfis.

AULA 5 (09/06)

  • Práticas integrativas, práticas espirituais: endereçamento pós anamnese
  • Treinamento da Anamnese Espiritual em sala de aula: condução de Anamneses pelos alunos.
  • Como elaborar um relatório da entrevista

AULA 6 (10/06)

  • Aplicação da Anamnese Espiritual entre os próprios alunos
  • Supervisão das Anamneses realizadas em sala de aula.

AULA 7 (21/07)

  • Os alunos deverão trazer 1 Anamnese já realizada.
  • Supervisão e ilustração com casos e Anamneses já conduzidas
  • Revisão de termos e conceitos.

AULA 8 (22/07)

  • Supervisão de mais 1 Anamnese realizada pelos alunos
  • Fechamento do curso: revisão de conceitos e avaliação do curso pelos alunos
Curso

“Formação: Espiritualidade no Cuidado em Saúde – USP”

Data: 21 e 22/04; 19 e 20/05; 09 e 10/06 e 21 e 22/07/2018

Horário: das 9 às 17 horas

Local: Instituto de Psiquiatria – USP – Sala 40 – 4º andar
​Rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 785 – São Paulo – SP

Investimento: R$1200 + R$70 (taxa de matrícula)

Inscrições: [email protected]

Contatos: (11)2661-6986 / http://www.ipqhc.org.br

Conheça o ProSer

O ProSER é um grupo de profissionais da área da saúde, que visa dar assistência, pesquisar e gerar informações a respeito da relação saúde-espiritualidade. É parte do Centro de Estudos do Instituto de Psiquiatria (CEIP), mantido pelo Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (IPq-HC-FMUSP). Tem como missão:

  • Investigar o impacto da espiritualidade e religiosidade na saúde mental de pacientes usuários do IPq;
    • Promover atividades terapêuticas que investiguem e promovam o contato com a espiritualidade;
    • Promover assistência às necessidades e conflitos espirituais/religiosos e sua relação com a saúde mental;
    • Desenvolver pesquisas na interface saúde mental, espiritualidade e religiosidade;
    • Promover ensino a alunos, residentes e profissionais da área de saúde sobre a relação saúde e espiritualidade.
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS

COMENTÁRIOS




Seu Amigo Guru
Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!