A diferença de idade não foi um empecilho para esse casal de idosos nessa fase da vida. Dirce, aos 90 anos, e João, aos 75 anos, se apaixonaram, resolveram começar uma nova vida juntos, e oficializaram a união no sábado (23) no Lar Padre Euclides em Ribeirão Preto, interior de São Paulo.

Tudo começou há 4 meses quando Dirce costurou uma blusa de João, a pedido dele. Costureira desde a adolescência, ela fazia reparos para os amigos do Lar Padre Euclides, onde foi morar.

A intenção de se aproximar dela estava evidente porque logo depois do reparo da blusa, ele levou para ela uma bermuda que precisa trocar o elástico. E assim, a conversa começou a ficar boa e os dois se deixaram levar por uma amizade recente, mas muito bonita.

Segundo João declarou ao portal Revide, não ouve namoro, primeiro veio a amizade, depois logo se apaixonaram e trocaram muitos beijos e abraços.

“Não houve pedido de namoro, simplesmente começamos a nos aproximar, com abraços e muitos beijos. A amizade virou paixão e depois, amor”, afirma João.

“Ele é beijoqueiro. É o maior beijoqueiro que existe”, revela a noiva, aos risos.

“Ela é minha companheira e peço a Deus que nos abençoe para que dê tudo certo. Sejamos felizes para sempre até que Deus permita”, diz o noivo.


João de Carvalho, de 75 anos, e Dirce de Moraes Lima, de 90 anos, se casaram em Ribeirão Preto, SP — Foto: Francine Souza/Divulgação

HISTÓRIAS DE VIDAS DIFERENTES QUE SÓ VIRIAM A SE ENCONTRAR NO ASILO

Dirce tem duas filhas e só cursou até o quarto ano escolar, ficou viúva do primeiro marido, que sofreu um acidente de carro.

“Depois que fiquei viúva, comecei a trabalhar de domingo a domingo, para sustentar as minhas filhas. Eu tentei fazer o meu melhor para a minha família”, diz Dirce.

A decisão de ir para uma casa de repouso foi da própria Dirce. “Eu estava muito cansada e achei que deveria ter a minha própria segurança e liberdade”, afirma.

A história de João foi diferente. Ele foi casado por 30 anos, mas já está separado a 20.

Assim que separou, foi morar com os pais, e quando ambos faleceram, resolveu ir morar em um lar particular, tempos depois resolveu ir para o Padre Euclides.

“Aqui no Lar é diferente, eu nunca tinha morado em um ambiente assim. Eu posso sair a qualquer hora. Gosto de fazer as minhas próprias obrigações e adoro dormir tranquilo”, diz.


Detalhes do casamento de Dirce e João neste sábado (23) em Ribeirão Preto, SP — Foto: Mariana Pizzo/Divulgação

O Pedido

Assim que entenderam que estavam se amando de verdade, resolveram informar a direção do Lar porque queriam dividir o mesmo quarto.

Beatriz Maria França, assistente social do Lar Padre Euclides resolveu que iria fazer um casamento para os dois e reuniu os funcionários para providenciar os preparativos para o casamento.

A equipe divulgou a ação e recebeu muitas doações para realizar a cerimonia.

“Muitas pessoas foram solidárias e nos ajudaram com as doações. Os noivos ganharam até cama e colchão de casal. Fizemos tudo com amor e carinho para este casal apaixonado”, afirma.


Detalhe do casamento de Dirce e João neste sábado (23) em Ribeirão Preto, SP — Foto: Mariana Pizzo/Divulgação

A festa

A festa foi comemorada em grande estilo, o casal teve direito a alianças e bolo personalizado, Dirce vestia um vestido de cetim e renda rosa, enquanto João usou terno e gravata da cor do vestido da noiva.

O amor é evidente, e Jão é só elogios para a amada.

“Ela é muito caprichosa, carinhosa. Às vezes, dá mais atenção para mim do que para ela mesma.”


Dirce e João trocam alianças durante cerimônia de casamento em Ribeirão Preto, SP — Foto: Mariana Pizzo/Divulgação

Com muita fé em Deus, Dirce diz que o encontro dos dois só pode ter sido uma providencia divina!

“Eu me apaixonei pelo João pela devoção que ele tem. Nós tivemos um empurrão divino.”

*Com informações de G1 e Portal Revide.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS

COMENTÁRIOS




Seu Amigo Guru
Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!