Camila Farani, ex-jurada do Shark Tank assume namoro com mulher “É preciso ter coragem para ser quem é”.

A empresária de 41 anos abriu o jogo sobre o relacionamento e afirmou que a experiência ao lado da companheira “é muito gostosa”.

“Nunca tinha falado porque nunca ninguém tinha me perguntado. Não estava escondendo. me relacionei com homens, me apaixonei por homens. Até o momento em que esse movimento de liberdade, como um todo, me trouxe a liberdade como ser humano. Me apaixonei pela Tula e estamos juntas há um ano”, detalhou Camila em entrevista à Marie Claire

Em suas redes sociais, ela comemorou o Dia Internacional do orgulho LGBTQIAP+ com um texto e uma foto, homenageando a sua amada, e revelou o seu amor com honestidade.

Ela escreveu:

“É preciso coragem para ser quem você é. Hoje é o Dia Internacional do Orgulho. E eu tenho muito orgulho de ser quem sou. Esta é a Tula, minha namorada, e grande companheira de vida”, declarou a empresária.

Ainda a Marie Claire Camila contou como conheceu a namorada:

“Quando a encontrei pessoalmente, eu tive um outro tipo de sentimento e pensei ‘por que não?’. Foi uma coisa diferente. Começamos uma amizade e tudo foi muito rápido. Em pouco tempo já estávamos namorando”.

Camila contou que não sofreu preconceito da família e que sempre teve que enfrentar desafios na vida, e esse, foi só mais um.

“A Tula me traz uma leveza. Ela acorda com sorriso no rosto enquanto eu tô lá estressada. Nosso relacionamento está sendo um equilíbrio bom. É muito gostoso, bacana, bonito”, confessou a empresária e presidente da G2 Capital, boutique de investimentos em tecnologia.

Em seu post no INstagram, Camila ainda contou que durante a entrevista para a Marie Claire ela teve a oportunidade de falar de temas sobre os quais não costuma conversar com a imprensa.

“Sempre falo da minha trajetória profissional, raramente o foco é minha vida pessoal. Mas hoje, a necessidade de dar visibilidade a vidas e individualidades, falou mais alto. Sabe porque? O Brasil é o país que mais mata pessoas LGBTQIAP+ no mundo. Por que isso? Tenho visto o aumento das pessoas que vivem com um sorriso de emergência, vivendo algo que não querem, e não um sorriso autêntico. Eu decidi que não queria ser essa pessoa. Eu profundamente acredito que amor transforma. O amor não segue padrões. Eu não sou padrão. Eu sou amor. Respeito. É isso que sou. É isso que tenho dentro de mim”, finalizou.

Por mais respeito e amor no mundo! É disso que precisamos para que possamos viver em sociedade e acabar com a violência de genero.

Tula também se manifestou nas redes e mandou um recado:

“Para todo mundo que te deseja o mal, eu te desejo o bem, aliás, nós te desejamos!”

*DA REDAÇÃO SAG.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!