Respeitar o que o outro pensa, o que o outro sente, e o que o outro é, são atitudes que dão sentido ao amor. O amor só permanece vivo naquele que aprende a respeitar os outros e a si mesmo.

Uma coisa não precisa ser certa no seu ponto de vista para que outra coisa seja considerada errada porque o que para nós é convicção, para o outro, pode não passar de conversinha fiada!

Cada pessoa é um universo e todos nós de uma maneira ou de outra, acabamos nos chocando uma hora ou outra causando um efeito “meteórico”!

Tudo que nos acontece é para o nosso bem, mesmo que sob a nossa ótica embasada, diante da realidade distorcida que contamos para nós e para os outros, mesmo que o fato que nos impactou pareça ser ruim, a verdade é que ele não passa de um fato, e a vida acaba por nos ensinar que aquilo que, a princípio, encaramos como sofrimento, era exatamente tudo o que a gente precisava para evoluir!

Muitas pessoas desabam emocionalmente frente a um pequeno sinal do universo de que o caminho que estavam seguindo não era o melhor caminho. Não aceitam, lamentam, reclamam daquilo que, para elas, não era para ter acontecido. Não conseguem respeitar a decisão de Deus para o seu momento, e por não aceitarem, acabam sofrendo muito mais.

A nossa arrogância e prepotência em achar que somos os donos da verdade, em acreditar que sabemos o que é melhor para nós e para aqueles que amamos, sempre nos levam a um sofrimento taciturno.

Se autoanalisem e vejam se estão de acordo comigo:

Quando perdemos algo ou alguém, quando o que queríamos muito não dá certo, quando a vida nos contraria de alguma forma nos tornamos melancólicos e mergulhamos em uma angustia existencial como se tudo aquilo que acontece e contraria a nossa vontade fosse um castigo, ao qual, não merecíamos.

A questão do merecimento é posta em cheque quando nos deparamos com histórias onde acontecimentos extremamente dolorosos acertam em cheio corações bondosos.

Nos perguntamos: Por quê?

Em busca de entendimento, procuramos respostas o tempo todo, os pensamentos não param e a preocupação excessiva acaba pirando a mente que causa um forte desequilíbrio emocional.

Quando buscamos entender através da lógica algo que a nossa compressão limitada ainda não alcança, vivemos preocupados, com medo, revoltados, e desorientados. Saber disso e concordar com isso, basta, para que decidamos de uma vez por todas acabar com essa dinâmica!

A cada passo que damos a frente com coragem e que nos leva a conquistas felizes, bastará uma contrariedade para recuarmos, medrosos, mil passos para trás e nos vermos novamente tristes, reclamando de tudo.

A confiança é perdida, a fé é recalculada, e o amor dá lugar para a dor que amarra o peito nos impedindo de respirar calmamente.

Muitos chamam isso de “ansiedade”. Mas na verdade é uma insegurança generalizada, um desamor contagioso. Uma incapacidade de respeitar uma força maior que rege o universo.

É preciso acordar para o poder transformador da confiança!

Todos os dias necessitamos de um tempo só para nós. Não adianta meditar uma vez por semana, precisamos aprender a meditar em vários momentos do dia, por semanas, anos, pois só a meditação é capaz de nos levar para dentro, e só quando estamos dentro de nós conseguimos enxergar claro.

A meditação não precisa ser forçada, programada, mas para termos êxito com ela, é exigido de nós uma dose extra de disciplina e autorresponsabilidade. Qualidades que constantemente nos reclinamos e esquecemos de alimentar em nós.

Culpamos o outro por tudo e nos vitimizamos para que sintam pena de nós. Queremos mostrar como somos e fomos injustiçados, e ao contarmos essas histórias muitas vezes, acabamos acreditando nelas, e entramos em uma guerra com a vida.

Ao guerrear com a vida, e brigar com a realidade, nos colocamos em um contexto triste que nos impede de olhar para a beleza da vida.

E quando perdemos a capacidade de ver beleza em tudo, em ver o lado bom das coisas, nos distanciamos da fé, que nada mais é que a força de Deus agindo em nós.

Confia!

Levanta e anda!

Vá em frente e fique segura de que os seus passos estão sendo guiados por uma força bem maior do que a sua compreensão pode alcançar!

Caminhe por aí, livre, sem hora para voltar, sem amarras que te prendem a situações dolorosas, sem ter que fazer coisas que te desagradam, sem compactuar com aquilo que vai contra a sua natureza!

Quando você faz isso, você se sente é alinhado à verdadeira fonte de amor que é a vida!

Muitas vezes, acreditamos que não há como viver sem carregar os pesos das experiências passadas, mas quando decidimos olhar para elas com amor, a vida se encarrega de nos mostrar a sua leveza e, sem que precisemos nos esforçar, traz as soluções que imaginávamos serem impossíveis de serem acessadas!

As preocupações diárias nos impedem de enxergar a beleza da vida! E como nos iludimos quando estamos mergulhados nos problemas existências! ?

Eles são areia movediça!

Por isso, vigia e ora todos os minutos do seu dia!

Preste atenção onde pisa! Só coloque seus pés em rochas firmes!

Escolha as pedras certas para não tropeçar! E mesmo que seja impossível desviar de uma ou outra, e o tombo, se torne inevitável, levante-se rapidamente e continue caminhando, a isso damos o nome de “resiliência”.

A vida te espera sempre com um sorriso! Sorria pra ela também porque o seu sorriso, terá sempre o poder de mudar tudo para melhor!

Abra um sorriso para a primeira pessoa que cruzar o seu caminho agora e siga em frente com a alma renovada!

Eu creio em muitas coisas que você não crê e uma delas, é em você!

Eu acredito em você! Por tanto, acredite que você é o seu único e verdadeiro herói e que é capaz de realizar verdadeiros milagres em sua vida!

Diga: Eu creio! Eu creio! Eu creio! Quanto mais você afirma para si mesmo aquilo que você acredita, mais força ela tem sobre você e sobre o mundo.

SORRIA!

Respeitar a si mesmo e aos outros é um ato de amor.

Aprenda que respeitar não é ser submisso a tudo, é apenas entender que coisas acontecem independente da nossa vontade e pessoas são como são, não adianta espernear desejando que elas mudem.

Acredite em você! E comece a agir para que a sua vida seja motivo de orgulho para os que ficarem quando você partir.

*Foto de Shwa Hall no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Iara Fonseca
Jornalista, escritora, editora chefe e criadora de conteúdo dos portais RESILIÊNCIA HUMANA e SEU AMIGO GURU. Neurocoaching e Mestr em Tarot. Para contratação de criação de conteúdo, agendamento de consultas e atendimentos online entrem em contato por direct no Instagram.