Após um ano do incêndio de Notre Dame, seus sinos tocam em apoio aos profissionais de saúde

Por Philippe Lissac

Os sinos geralmente soam durante ocasiões religiosas especiais. Eles tocaram na quarta-feira, um ano após a grande catedral ter sido quase destruída por um incêndio.

Em uníssono com o povo francês que adquiriu o hábito de aplaudir os profissionais de saúde de suas janelas às 20h todas as noites, o grande sino de Notre-Dame de Paris tocou por pouco mais de cinco minutos, na quarta-feira, dia 15 de abril.

Há um ano, ao mesmo tempo, o prédio estava combatendo as chamas do incêndio catastrófico que destruiu o telhado e a torre da catedral.

O evento, transmitido ao vivo pela televisão, aconteceu na presença do bispo Patrick Chauvet, reitor da catedral, que ficava no final do pátio da catedral.

Milagrosamente salvo há um ano

O grande sino foi tocado por duas pessoas de dentro do campanário, tendo a eletricidade sido cortada durante os trabalhos de reconstrução.


O sino mais antigo da catedral foi construído em 1686 durante o reinado de Luís XIV e pesa cerca de 13 toneladas. É apelidado de “Emmanuel”, um nome que designa Cristo e significa “Deus conosco”.

Há um ano, quando o incêndio devastou a catedral, a Torre Sul, onde fica o sino, ameaçava desabar à noite.

Milagrosamente salvo pela ação dos bombeiros de Paris, geralmente toca em grandes solenidades religiosas, como o Natal, ou em ocasiões especiais, como a queda do Muro de Berlim.

A última vez que foi ouvida em toda a cidade de Paris foi durante o funeral do presidente Jacques Chirac, em setembro de 2019.

*Tradução e adaptação REDAÇÃO SEU AMIGO GURU. Com informações Aleteia.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Seu Amigo Guru
Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!