Aceita você. Aceita o que você é, o que você representa. Aceita as suas curvas, as suas marcas, as suas lágrimas e as suas dores.

Aceita tudo que lhe transformou e todos os erros que você, dolorosamente, reconheceu que cometeu.

Aceita o seu cabelo, a sua cicatriz. Aceita logo tudo o que você precisa aceitar e quem não gostar que se exploda.

Aceita que você irá perder algumas pessoas que não aceita essa sua mania de se querer tão bem.

Aceita o jeitinho que você enfrenta o mundo. O jeito duro de você enfrentar tudo. De enfrentar quem tenta limitar os seus passos e o seu caminhar.

Seu nome é liberdade, não esqueça. Não esqueça jamais.

Aceita que voar é o seu destino. Que amar é a sua sina. E que a sua intensidade é o seu melhor sentimento.

Joga os seus cabelos ao vento e vai. Aceita que vai doer menos. O preço da liberdade é se gostar cada dia mais.

Bendita seja a sua vontade de fazer acontecer. A sua disposição para vencer os desafios. A sua coragem para enfrentar cada obstáculo.

Bendito seja o seu sorriso. Os seus passos. E os seus sonhos.

Bendita seja a sua alegria. A sua maneira leve e bonita de enxergar a vida.

Bendito seja o seu amor. Os seus amigos que te ajudam quando você precisa. O seu coração que se renova em cada nova história.

Bendita seja a sua esperança. Bendita seja a sua conquista.

Por menor que seja. Por mais imperceptível. Por mais singela. Bendita seja a sua conquista de cada dia.

Bendita seja, inclusive, a sua gratidão.

Aceita as suas curvas, as suas marcas, as suas lágrimas e as suas dores.

TEXTO DE (Edgard Abbehusen)

*DA REDAÇÃO SAG. Foto de Sai Maddali no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!