8 sinais de que você tem um complexo de superioridade

Você pode não perceber, mas a maneira como se vê pode afetar a maneira como você trata as outras pessoas.

Por exemplo, quando alguém está satisfeito consigo mesmo e onde está na vida, é mais fácil se sentir genuinamente feliz com o sucesso dos outros. Mas se você é alguém que não está onde gostaria de estar, pode ser que você sinta a necessidade de desvalorizar as outras pessoas para se sentire melhor consigo mesmo e, isso, pode ser um sinal de complexo de superioridade.

“Um complexo de superioridade é realmente um mecanismo de defesa para o que realmente está acontecendo com a pessoa”, disse a conselheira profissional licenciada Nickia Lowery para a Bustle.

“Quando uma pessoa age de forma se colocar como superior a outra, ela realmente sente que o outro é uma ameaça. De alguma forma, ela acredita que os outros descobrirão que ela realmente é ‘inadequada’ e, por isso, se comporta como se fosse melhor do que os outros”.

De acordo com Lowery, esse traço pode começar a se desenvolver entre as idades de cinco e 12 anos.

“Nesse estágio de desenvolvimento, a criança está buscando aceitação e validação”, diz Lowery. “Se isso não for conduzido com sucesso, a pessoa desenvolverá um senso de inferioridade.”

Em outras palavras, o que eles realmente têm é um complexo de inferioridade. Em vez de optar por ficar em segundo plano, as pessoas com complexos de superioridade podem precisar compensar o que lhes falta.

Muitas vezes, elas farão isso por meio de comportamentos que prejudicam outras pessoas.

“Pessoas emocionalmente e mentalmente saudáveis ​​não se envolvem em atividades que prejudiquem os outros, ponto final”, diz Lowery. “Então, alguém que age dessa maneira está realmente sofrendo emocionalmente.”

Aqui estão algumas coisas que podem significar que alguém pode ter um complexo de superioridade, de acordo com especialistas.

1 – Eles procuram constantemente validação

Quando alguém tem um complexo de superioridade, seu senso de valor próprio virá de fontes externas. Eles só se sentem bem ou dignos o suficiente se os outros os verem dessa forma.

Como o Dr. Sanam Hafeez, neuropsicólogo e membro do corpo docente da Universidade de Columbia, diz a Bustle:

“Eles exageram suas realizações e opiniões porque não conseguem se convencer de que são dignos e que realizaram o suficiente em suas vidas”.

Infelizmente, um comentário de validação não será capaz de sustentá-los por muito tempo. Portanto, eles nunca ficam realmente felizes consigo mesmos por muito tempo.

2.É difícil para eles reconhecerem seus erros

Pessoas que agem como se fossem superiores aos outros têm dificuldade, ou se recusam terminantemente, a assumir a responsabilidade por seu mau comportamento.

De acordo com Hafeez, eles tendem a acreditar que estão sempre certos e não estão dispostos a considerar quaisquer opiniões opostas de outras pessoas. Eles podem até ter um ataque quando alguém os contradiz.

Quando você não está em paz com quem você realmente é, a tendência é se esconder atrás de uma versão “perfeita” de si mesmo que você acha que os outros vão gostar. E admitir seus erros significa reconhecer que você não é perfeito.

3.Eles se comparam com os outros

É da natureza humana nos compararmos com outras pessoas. Mas as pessoas com complexo de superioridade fazem isso constantemente porque seu senso de valor próprio se baseia em como percebem que os outros estão se saindo.

De acordo com Hafeez, “Esses indivíduos mostram traços condescendentes, mas muitas vezes, agem dessa forma para esconder seus verdadeiros sentimentos de insegurança e inferioridade”.

Quando os outros fazem com que se sintam como se estivessem em falta de alguma forma, é mais provável que se exponham e ajam como se estivessem acima de todo mundo.

4.Eles são propensos a mudanças de humor

Quando alguém tem um complexo de superioridade, nem sempre é possível prever como essa pessoa vai agir. Para uma pessoa, eles podem ser totalmente bons e fáceis de se conviver e, para outra, eles podem exibir um comportamento ruim.

De acordo com a psicoterapeuta Kimberly Perlin, LCSW-C, “Um complexo de superioridade é freqüentemente usado para descrever alguém que se envolve em um jogo constante de vantagem. Suas interações giram em torno de tentar provar aos outros que eles são superiores.”

Por causa disso, eles podem estar sujeitos a alterações de humor. Se eles se depararem com alguém por quem se sentem ameaçados, eles podem passar de se sentir totalmente inferiores a se convencerem de que são superiores. Por causa disso, você nem sempre pode prever como eles irão se comportar.

5.Eles têm a tendência em pensar que tudo gira em torno deles

Quando alguém tem um complexo de superioridade, às vezes, pode parecer egocêntrico.

De acordo com Lowery, alguns podem desafiar as crenças e ideias de outros de uma forma que comunica que eles têm todas as respostas “certas”.

Eles podem até desvalorizar as realizações de outros, superando-as com suas próprias realizações.

Por exemplo, se um colega de trabalho fez um ótimo trabalho durante uma apresentação, a pessoa com complexo de superioridade pode dizer algo como: “Isso foi bom, mas percebi que as pessoas estavam mais engajadas durante a minha”.

6. Eles têm um senso de merecimento

“Um complexo de superioridade pode ser outra maneira de dizer ‘eu mereço'”, disse a Dra. Cali Estes, Ph.D , fundadora da The Addictions Academy, a Bustle.

“Esse tipo de indivíduo acredita que os outros estão abaixo dele.” Muitas vezes, esse tipo de pensamento decorre de ter recebido tudo muito fácil quando criança. De acordo com o Dr. Estes, eles aprenderam desde o início que podem tratar qualquer indivíduo da maneira que quiserem e conseguirem o que desejam.

7. Eles gostam que as coisas estejam sob seu controle

Se você está perto de alguém que tem um complexo de superioridade e não age da maneira que ele espera, ele pode se tornar mau com você. É porque gostam de estar certos e gostam da sensação de estar no controle.

Quando alguém não age da maneira que ele deseja, ele pode ficar muito irritado.

De acordo com Perlin, ele pode entrar em conflito com colegas de trabalho por pequenas ofensas, e há uma boa chance de que não seja um bom trabalhador em equipe.

Pessoas com complexos de superioridade também tendem a almejar posições de liderança no trabalho, pois isso ajuda a validá-las.

8.Eles ficam ofendidos se não obtiverem um feedback positivo

Como você pode imaginar, as pessoas com complexo de superioridade não aceitam bem as críticas.

Na verdade, eles não querem ouvir nada além de feedback positivo. De acordo com Perlin, eles podem até se sentir criticados se você lhes der um feedback neutro.

“Freqüentemente, os indivíduos com complexo de superioridade não eram validados pelos pais como tendo valor como pessoa, em vez disso, eles só recebiam atenção quando eram melhores do que os outros ou os melhores”, diz Perlin. Eles estão agora inconscientemente reencenando sua dinâmica com os pais quando adultos.

Ter um complexo de superioridade nem sempre torna alguém uma pessoa má. Como diz Lowery, geralmente é resultado de dor emocional.

Para alguns, a terapia pode ajudá-los a superar seus sentimentos de inferioridade, para que não tenham que agir de maneira que magoem a si mesmos e aos outros. É possível superar esses sentimentos. Eles só precisam estar dispostos a se auto-refletir e fazer mudanças internas positivas.

Fontes

Nickia Lowery, conselheira profissional licenciada;

Dr. Sanam Hafeez, neuropsicólogo e membro do corpo docente da Universidade de Columbia;

Dr. Cali Estes, Ph.D, fundador da The Addictions Academy;

Kimberly Perlin, uma assistente social clínica licenciada;

*DA REDAÇÃO SAG.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO SEU AMIGO GURU?

CONSELHOS INSPIRADORES TODOS OS DIAS PARA UMA VIDA PLENA E FELIZ!

RECOMENDAMOS









Viva simples, sonhe grande, seja grato, dê amor, ria muito!